Skateboard Art direto do Japão : Haroshi

Haroshi nasceu em 1978 no Japão e é um artista autodidata, skatista apaixonado desde a adolescência e que possui profundo conhecimento da anatomia de um skate e todas as suas partes, incluindo o convés, caminhões e rodas, materiais que ele usa em suas esculturas.

SkateboardSculptures18

Com nenhum treinamento formal da arte, mas muita perseverança e determinação, Haroshi utilizou-se da cultura do skate para a criação de obras de arte, que vão desde recriações de um par de tênis Nike até animais e instrumentos musicais a partir de boards usados por vários profissionais diferentes. No seu site pessoal, está escrito que “as suas obras de arte são iguais aos seus skates, que eles são a sua própria vida. Uma ferramenta de comunicação consigo mesmo e com o mundo”.

Dá só uma olhada na galeria de imagens que a gente montou com o trabalho do artista: Continue lendo

Draped Anonymous Women, por Patty Carroll

A fotógrafa americana Patty Carroll nascida em Chicago lançou uma série de fotografias chamada “Anonymous Women: Draped” ou na tradução livre “Mulheres Anonimas”. A idéia para a série surgiu no começo da Guerra contra o Iraque, onde ela teve a idéia de representar as mulheres através de silhouetas, sem explicitar a nacionalidade, levando sempre em consideração que ‘todas merecem um lugar para descansar e se abrigar’.

Draped-Anonymous-Women-11 Continue lendo

#art-with-joy … O recorte em jornais de Myriam Dion

É seguro dizer que Myriam Dion é uma artista talentosa e ‘muito paciente‘. Usando um bisturi, a artista canadense corta cuidadosamente pequenos pedaços das páginas dos jornais, criando um trabalho de harmonia e singularidade.

Cut-Lace-Newspapers13-640x480

Impressionantemente complexos no espaço negativo, estes cortes se tornam padrões e transformam-se em imagens delicadas. Dion transforma ainda mais o mundano em algo especial e o material descartável torna-se algo em silêncio mágico. Confira um pouco mais sobre seu trabalho: Continue lendo

O Mundo ‘Streamlined’ de Robert LaDuke

Só recentemente descobrimos um artista moderno que combina perfeitamente artefatos da Época Diesel com a atitude de hoje. Sua obra ‘streamlined’ não pareceria fora de lugar em um clube de 1930, nem em uma galeria de arte.

5361209474_d00a02a93b_z

As Pinturas narrativas de Robert LaDuke são uma combinação de memórias, sonhos e vida cotidiana, uma junção de iconografia pessoal em cada peça, mas sem ditar uma narrativa rigorosa.  Continue lendo

A Arte de Kolor Kathmandu

Pedestres param e olham como um jovem branco pinta cuidadosamente um elaborado mural na parede de uma residência em Lalitpur, uma cidade satélite de Kathmandu. Eles, assim como a maioria dos moradores locais, não estão acostumados a ver arte em paredes. Mas isso está mudando com um projeto que espera transformar o vale em uma galeria aberta e tornar a arte acessível às massas.

KolorKathmandu1

O projeto Kolor Kathmandu também está adicionando beleza para o vale, com a idéia de transformar paredes em telas iniciado por Yuki Paudel, diretor e cérebro criativo do projeto. “Arte de rua, em lugares como Filadélfia e Berlim têm me inspirado e queria trazê-lo para as paredes Kathmandu que sempre teve cartazes de filmes e slogans políticos sobre eles”, disse ela. Continue lendo

Google colorindo São Paulo … joy♥this

O Google resolveu ajudar a cidade de São Paulo a ficar mais bonita. A gigante utilizou o Google Maps para oferecer aos grafiteiros locais em que eles pudessem produzir sua arte. Daí nasceu  o Color+City que vai conectar quem quer pintar com quem tem espaços urbanos pra doar, por uma cidade mais colorida.

crop_image (9)

Visitem: www.colorpluscity.com/

Posters da Arquitetura … joy♥this

Esse nós vimos na Casa Vogue e decidimos republicar, pois A-DO-RA-MOS #posters … Achamos que eles são um toque de personalidade em qualquer canto de sua casa!

posters_minimalistas_arquitetura_01

Pois estes celembram a arquitetura mundial através das possibilidades do design gráfico. O ilustrador português André Chiote e o estúdio de design austríaco Exergian desenvolverem, cada um ao seu estilo, pôsteres minimalistas, abordando imagens icônicas que fazem de projetos como a Casa da Música, o Riverside Museum e o Lacma, entre outros, símbolos gráficos únicos, verdadeiras expressões da criativade na arquitetura.

Confiram a Galeria que separamos para vocês … 😉

A sala do arco-íris de Pierre le Riche … #art-with-joy

Uma instalação criada pelo designer baseado em Cape Town, África do Sul, Pierre le Riche tem um olhar crítico sobre as implicações sociológicas da hegemonia masculina afrikaner sobre a homossexualidade na África do Sul pós-apartheid.

img_2_1372188682_c81e728d9d4c2f636f067f89cc14862c

A intervenção, construída a partir de 17 km de fio de acrílico nas cores da bandeira do orgulho gay representa uma tradicional família sul-africana na sala de estar assistindo a um jogo de rugby na  televisão, um ponto extremamente importante na história do povo sul-africano. Continue lendo

Os toques vibrantes de Rowan Newton

Com toques de cores vibrantes, gotejamentos, e manchas, o britânico Rowan Newton cria pinturas e arte de rua desde muito jovem quando ainda crescia na cidade de Brixton. Muito parecido com grafiteiros, ele transforma espaços improváveis ​​em arte, usando madeira ou papelão como tela para suas pinturas, e estilizando-os de uma forma similar.

ImageDe acordo com sua biografia:

O estilo de Rowan reflete as dicotomias da paisagem do centro da cidade. Usando tinta spray, acrílicos e uma caneta, ele cria peças que são corajosas, provocadoras e cheias de personalidade … o processo de Rowan é uma re-imaginação de beleza e uma representação dela de uma forma totalmente nova. Continue lendo